5 dicas de dinâmicas de relacionamento interpessoal

Você já participou de dinâmicas de relacionamento interpessoal no seu trabalho? Pois saiba que elas são muito importantes.

No dia a dia de uma empresa, o trabalho em equipe é fundamental para o desenvolvimento de projetos e o cumprimento de metas. Para que isso ocorra, porém, é necessário que os integrantes do time estejam unidos e motivados em prol dos mesmos objetivos, sentindo-se parte de algo maior e sabendo compartilhar responsabilidades, fracassos e conquistas.

inscrição virada da semana

No entanto, sabemos que nem toda equipe funciona assim e, em muitos casos, a falta de motivação ou um mau relacionamento entre os colaboradores existe e pode prejudicar o andamento das tarefas e o clima no ambiente de trabalho.

É justamente nesse contexto que líderes e gestores podem lançar mão de dinâmicas de relacionamento interpessoal. Essas atividades coletivas buscam criar uma maior interação entre o grupo e promover uma maior sinergia entre todos os colaboradores de um determinado setor.

Se bem feitas, essas dinâmicas trazem benefícios claros à empresa, resultando em um aumento da motivação, do engajamento, da satisfação e, como consequência, da produtividade dos funcionários.

E como as dinâmicas proporcionam um bom convívio, garantem a integração entre a equipe e ajudam a promover o equilíbrio no ambiente de trabalho, é fundamental que você saiba como elas funcionam.

A importância das dinâmicas de relacionamento interpessoal nas empresas

As dinâmicas de relacionamento interpessoal têm a grande capacidade de resolver problemas enfrentados pelos funcionários na empresa e também de potencializar resultados individuais e coletivos. Dessa forma, tanto os profissionais quanto a organização apresentam um crescimento contínuo e conseguem se unir por um mesmo objetivo.

Uma das questões que podem ser melhoradas por meio das dinâmicas é a falta de comunicação entre os colaboradores da firma: por promover uma excelente interação, essas atividades fazem com que os funcionários estreitem os laços entre si e desenvolvam um engajamento maior no trabalho realizado.

A motivação é um dos ótimos resultados produzidos pelas dinâmicas de relacionamento interpessoal, que podem ser realizadas em formas de jogos, atividades interativas, apresentações e outras formas que promovam contato entre as pessoas. Algumas não exigem material algum, enquanto outras dinâmicas necessitam de itens simples, como papel, caneta ou cadeiras.

5 dicas de dinâmicas de relacionamento interpessoal e trabalho em equipe

As dinâmicas de relacionamento interpessoal podem ser realizadas sempre que o gestor sentir a necessidade. Para isso, é necessário observar e sentir o grupo, detectando os momentos de baixa produtividade ou motivação, por exemplo.

Nesse sentido, as atividades podem ser válidas no início de um novo projeto, no começo de um novo ano ou ainda quando houver a adição de um novo membro na empresa, integrando-o ao resto da equipe já no primeiro dia, para que ele se sinta mais confortável e perca aquela trava inicial que todos temos em um novo local de trabalho.

Dinâmicas de relacionamento interpessoal interativas têm mais chances de envolver os participantes. Esqueça a idade e se permita investir em jogos que remetem a outros tempos, como a dança das cadeiras, por exemplo.

Jogos e atividades divertidas proporcionam um clima de descontração e relaxam os funcionários. Você também pode pensar em alguma ação que conte com mensagens transmitidas pelos próprios colaboradores, como estourar balões com recados dentro.

Isso posto, confira 4 dicas de dinâmicas que dão ótimos resultados:

1. Dinâmica de relacionamento

Essa é uma dinâmica excelente para avaliar a maturidade da equipe e demonstrar como os colegas se enxergam e entendem uns aos outros.

É simples: fixe uma folha de papel nas costas de cada um dos colaboradores. Em seguida, solicite a eles que escrevam qualidades, defeitos e outras características marcantes sobre os colegas.

Depois que todos tiverem escrito, pergunte a eles como foi a experiência de escrever o que foi pedido sobre o colega. Em seguida, peça que todos leiam o que foi escrito sobre si mesmos e questione-os sobre o que sentiram ao ler aquelas palavras. Debatam, abertamente, sobre o assunto.

A ideia aqui é fortalecer o feedback, e não criar constrangimentos. Com essa dinâmica de relacionamento interpessoal, o gestor pode analisar a postura de cada colaborador e o modo como ele reage a críticas e a elogios. A atividade também ajuda o funcionário a refletir e a aproveitar a oportunidade para amadurecer profissionalmente.

2. Dinâmica de aproximação

Em um grupo pequeno, de até 10 pessoas, peça que os membros da equipe sentem-se (no chão ou em cadeiras), formando um círculo. Em seguida, peça que cada um escreva, em segredo, o que gostaria que o colega à sua direita fizesse. Claro que deve haver bom senso, mas deixe-os livres para escreverem o que quiserem.

Após todos terem terminado, revele o verdadeiro objetivo do jogo: cada pessoa deverá fazer o que escreveu para o colega ao lado realizar. Deixe que todos absorvam a informação e espere por voluntários.

Essa dinâmica ajuda a avaliar a integração entre os membros da equipe, o nível de intimidade e confiança e, claro, o caráter de cada um. Sabe aquela regrinha de não desejar aos outros que não desejaríamos a nós mesmos? Faça questão de frisá-la para o time antes mesmo de pedir para que eles façam o que escreveram.

3. Dinâmica do olhar

Este é um bom exemplo de dinâmica de relacionamento interpessoal que pode ser útil para quebrar barreiras e fortalecer as relações entre os membros da equipe.

Para realizá-la, coloque os colaboradores sentados em um círculo. Em seguida, peça que todos corram o olhar de um lado ao outro da sala, observando todos os companheiros ao seu redor. Quando dois olhares se encontrarem, o par deve se levantar e se abraçar no meio do círculo e, depois, trocar de lugar.

Essa dinâmica ajuda a desenvolver a empatia, o afeto e a sensação de companheirismo – e, se for o caso, até mesmo o perdão.

4. Dinâmica da escolha

Distribua uma folha de papel, caneta e um envelope para cada membro da equipe. Feito isso, peça que cada um deles imagine que foi parar em uma ilha deserta e questione-os: qual colega do trabalho você gostaria que estivesse lá com você?

Solicite que eles escrevam suas respostas e as coloquem, anonimamente, dentro do envelope. Recolha-os e some os resultados. Mais tarde, em particular, dê o feedback para cada um dos membros da equipe sobre sua qualificação na atividade.

Essa dinâmica é uma ferramenta extremamente útil para que o gestor identifique possíveis conflitos ou problemas de relacionamento dentro do time e possa investir em ações que busquem melhorar a integração e a comunicação entre os colegas.

 

5. Dinâmica do Desafio

Para esta dinâmica você vai precisar ter em mãos uma caixa preta, organizar a sua equipe em dois grupos com número igual de pessoas e pedir para que formem círculos.

Feito isso, entregue a “caixa do desafio” para uma das pessoas do círculo e explique aos integrantes as regras do jogo:

  • Dentro da caixa há um desafio a ser realizado pelos participantes.
  • Uma música irá tocar e as pessoas devem fazer a caixinha circular. Quando a canção parar, quem estiver com o pacote nas mãos terá três alternativas: tentar cumprir o desafio apresentado, passar o desafio para outro membro do seu grupo ou passar a caixinha de desafios para alguém do grupo adversário.
  • Ao decidir aceitar o desafio e cumpri-lo com sucesso, o integrante ganha para seu grupo três pontos. Mas ao optar por não realizar o desafio, além de ser excluído da dinâmica, sua equipe perderá quatro pontos.
  • A pessoa que teve com a caixa e não aceitou o desafio, também deve ter a chance de optar por uma das alternativas acima.
  • O grupo pode optar por não realizar o desafio apenas três vezes.
  • A cada rodada são aplicados novos desafios.

A intenção da dinâmica é mostrar que a melhor alternativa é encarar os desafios de frente, do que passar a oportunidade para o seu concorrente. Então, ao abrirem a caixa pela última vez, o integrante irá se deparar com uma delicioso desafio: devorar uma caixa de chocolate!

inscrição virada da semana

Para ficar por dentro de mais dicas de um ambiente de trabalho produtivo, não deixe de curtir a página da Ione Cortese no Facebook e acompanhe todas as novidades e publicações!

Deixe seu comentário

Resolva a conta abaixo para publicar seu comentário: *